Início

Visitar > Igreja de Santa Rita



Igreja de Santa Rita

Roteiro cultural negro

Em 22 de maio comemora-se o dia de Santa Rita. No Brasil, essa tradição teve início com a devoção de Manoel Nascentes Pinto e sua família. De origem Portuguesa e chegados ao Rio de Janeiro por volta de 1710, trouxeram de sua terra natal um quadro retratando a padroeira. O costume de celebrar festas em louvor de Santa Rita em cerimônias abertas, ao longo do tempo congregou um número de fiéis tão grande que foi preciso importar de Portugal uma imagem da Santa – ainda presente no altar – e construir-lhe uma capela (aproximadamente 1721), que seria elevada a condição de igreja matriz em 1751.

Localizada no largo de mesmo nome, no Centro do Rio de Janeiro, a Igreja encontra-se próxima à praça XV de Novembro, conhecida no século XVIII como Praia do Peixe – local de desembarque de negros escravizados. Por causa das terríveis condições sob as quais centenas de africanos cruzavam o Atlântico em navios tumbeiros era comum que chegassem mortos. Uma pequena quadra em frente à edificação funcionou como “cemitério” para aqueles que haviam feito sua derradeira viagem. Durante anos essas valas comuns receberam incontáveis cadáveres. Além disso, na época, os criminosos condenados à forca tinham na Igreja Matriz de Santa Rita o local de suas últimas orações.

 

Siga a Mood Afro no Facebook e Instagram.

Contato

Igreja de Santa Rita

Largo de Santa Rita ns/n°

Centro, Rio de Janeiro